Como identificar que você está se autossabotando?

Você tem o hábito de se autossabotar? Você pode até ficar pensando: como assim? Não faço isso! Talvez em algum momento da sua vida você se autossabotou; e quer saber? Eu também, e isso não é nada bom.

Mas afinal, o que é autossabotagem?

Bem, autossabotagem é quando de forma consciente ou inconsciente colocamos limites, travas, empecilhos e desculpas em nós mesmos, impedindo que os objetivos e metas sejam alcançados.

As vezes é difícil de perceber, pois entramos num ciclo vicioso de hábitos e rotinas, e quando menos esperamos estamos acreditando que não somos capazes de fazer muitas coisas. O medo e a inseguraça toma conta de nós e simplesmente nos tornamos pessoas negativas.

Quais são os sinais da autossabotagem?

1- Ser negativo
Ver as coisas de forma negativa é um sinal. Além da pessoa se desviar do foco, impede que ela curta as conquistas obtidas.
É importante ser grato pelas pequenas conquistas, e saber que por maior que seja a dificuldade é possível sim vencer cada desafio.

2- Procrastinar
O hábito de deixar tudo para depois é um caminho que sem dúvida leva ao fracasso. Se você tem algo para fazer hoje, por mais difícil que seja, faça.
Postergar as coisas para o amanhã, provoca aquela falsa sensação de que “ainda não terminou”, causando uma frustração mediante a tarefa.

3- Medo de tomar decisões
Tomar decisões nos leva a ter responsabilidades. Então utilizamos a autossabotagem para não dispor comprometimento.
Não tomar decisões, é como se não tivessemos total controle da nossa vida, tendo sempre a idéia de que não somos bons o suficiente.

4- Medo de errar
Me atrevo a dizer que o medo é o grande “vilão”. Ele nos impede de realizar muitas coisas. Já falei aqui sobre o medo, e sei que ele pode ser importante, mas quando o assunto é autossabotagem, ele pode ser o maior sabotador que existe.
É preciso ter em mente que nem sempre você vai acertar na primeira vez; mas é necessário continuar tentando, procurando alternativas para se superar e provar para você mesmo que consegue ir muito além do que imagina.

5- Se comparar
A comparação é outro “vilão”. Quando você se compara com outras pessoas automaticamente deixa de acreditar no seu potencial.
É importante ressaltar, que todos tem dificuldades, todos enfrentam momentos difíceis; o que difere é a forma como aquela pessoa reage mediante a situação.

Como parar com a autossabotagem?

• Se conheça: quando você se conhece, você se torna confiante de si mesmo. Anote em um papel seus medos, sonhos e planos, isso ajuda ter clareza de quem realmente é você.
• Se valorize: não se menospreze, reconheça seu valor e não se compare.
• Não se vitimize: não diga “não posso”, “não consigo”, “não sou capaz”, diga palavras positivas sobre você.
• Seja grato: agradeça cada conquista, e busque a solução para os problemas não resolvidos.
• Peça ajuda: se já tentou parar de se autossabotar e não conseguiu, procure um terapeuta ou um psicólogo. Ele vai ajudar você a ver o que tem de melhor e a se tornar uma pessoa mais confiante e positiva.

Compartilhe com os amigos e me sigam nas redes sociais.

Beijinhos ♥

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.