Olá, tudo bom com você?

Não sei você, mas com a correria do dia a dia, às vezes fica quase que impossível parar, sentar e analisar o que ocorre à minha volta.

Acredito que de forma involuntária entro em um “loop infinito” e concentro toda a minha atenção em apenas algumas determinadas atividades, o que acaba impedindo um olhar mais abrangente. Então, quando percebo essa atitude, de imediato, paro tudo que estou fazendo para me “organizar” mentalmente, espiritualmente e financeiramente.

E é sobre isso que gostaria de falar com vocês. Há alguns meses, pude refletir sobre o seguinte versículo:

“Pois onde estiver o seu tesouro, aí também estará o seu coração” (Mateus 6.21).

Talvez você esteja se perguntando: “Que tesouro? Não tenho nenhum tesouro!”. Esse versículo refere-se a tudo quanto ocupa o lugar máximo de prioridade em nossa vida; pode ser uma pessoa, um sonho, um trabalho, bens materiais, e tantas outras coisas.

Foi quando, analisando detalhadamente, pude perceber o quanto somos falhos ao permitir que determinadas coisas, por mais frugais que sejam, ocupem nosso coração e dominem com ímpeto nossa vida.

A partir do momento que você vive em torno daquele sonho, daquela pessoa ou daquele trabalho, fazendo dele sua prioridade máxima, o seu “deus” – seu coração já está dominado. Ou seja, tudo isso é o seu tesouro, e você estará enraizado nas coisas supérfluas desse mundo.

Em um dos livros de Elizabeth George, ela fala da importância de estabelecermos prioridade. E entre todas elas, Deus precisa ser a prioridade máxima. Você pode e deve sim cuidar da sua casa, família, trabalho, sonhos… No entanto, Deus (com “D” maiúsculo) precisa ser o centro da sua vida.

Quando colocamos Deus como prioridade máxima, Ele nos ajuda a tomar decisões corretas, direciona nossos planos e realiza o impossível em nossa vida – Para isso, é preciso tirar tudo quanto está ocupando o lugar Dele em nosso coração e permitir que Ele seja o Senhor de nossa vida.

Sendo assim, quando você for planejar seu dia, sua semana ou até seu futuro, lembre-se de colocar Deus como prioridade máxima. Não permita que as coisas deste mundo venham reger seus pensamentos. Não permita que o seu coração faça do dinheiro ou das coisas passageiras o seu “deus”.

Finalizo essa reflexão, com um trecho do livro “Vivendo com Jesus na adolescência”:

“Cada pessoa neste planeta tem um “deus” que toma conta do seu coração. Até mesmo quem se diz ateu. Nem que seja o pensamento de não crer em Deus que domine seu coração, isso já se tornou um ídolo se estiver sendo o senhor de sua vida. O nosso coração é especialista em fazer ídolos. Ele está sempre procurando uma razão para viver.” Júlia, Ferreira de Albuquerque.

Se pararmos para analisar, infelizmente as pessoas estão idolatrando tudo – desde uma pessoa a um objeto, o motivo pode ser o vazio que sente no coração – aquela tristeza e angústia que invade a alma.

Mas há apenas uma Pessoa que pode preencher esse vazio e curar as feridas do seu coração, Jesus. Ele é o único que merece nossa adoração.

E então, o que tem ocupado o lugar de Deus em seu coração? Qual tem sido a sua prioridade máxima?

Fiquem com Deus

2 comentários sobre “Qual a prioridade máxima em sua vida?

Olá mocinha (o) deixe seu comentário!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.